segunda-feira, 25 de julho de 2011

Amy Winehouse morre aos 27 anos

Amy Winehouse

O mundo da música está de luto. A cantora inglesa Amy Winehouse foi encontrada morta em sua casa em Londres na manhã do último sábado (23/07/2011).
Segundo um porta-voz da polícia metropolitana de Londres, o serviço de ambulância foi chamado às 16h (horário da Inglaterra), mas ao chegar à residência da cantora ela já estava morta.
Um dos maiores fenômenos dos últimos tempos na música, Amy tinha 27 anos e um longo histórico de alocoolismo e uso de drogas. A causa da morte da cantora ainda não foi divulgada.
A autópsia, marcada em um primeiro momento para o domingo, foi adiada e será realizada na segunda-feira (25/07/2011).
Recentemente, Amy havia cancelado uma turnê pela Europa após ter sido vaiada em um show na Sérvia. Na apresentação, ela abandonou o palco diversas vezes e teve dificuldades em cantar.
Amy Winehouse
Amy Winehouse alcançou o sucesso com o álbum "Back to Black" - Foto: Divulgação
Caminho para a fama
Amy Jade Winehouse nasceu em 14 de setembro de 1983 na Inglaterra. Apaixonada por jazz desde pequena, ela teve uma carreira precoce. Dona de uma voz poderosa e única, ela já cantava profissionalmente aos 16 anos e com 19 lançou seu primeiro álbum, ‘Frank’.
Mas foi com ‘Back to Black’, de 2006, que a cantora conheceu a fama internacional. Sucessos como ‘Rehab’, ‘You Know I’m no Good’ e ‘Love is a Losing Game’ colocaram Amy no topo do mundo da música. A consagração veio no Grammy daquele ano. A inglesa levou para casa cinco prêmios!
Amy Winehouse durante apresentação no Rio de Janeiro
Amy Winehouse durante apresentação no Rio de Janeiro - Foto: AgNews
Polêmicas
Com a fama vieram os escândalos. Talentosa e polêmica, ela travava uma luta pública contra o vício em drogas e bebida.
Por diversas vezes abandonou shows por não ter condiçoes de completar a apresentação. Amy também vivia sendo flagrada pelos tablóides em momentos constrangedores: embriagada, desmaiada, sonolenta…
Passagem pelo Brasil 
Em janeiro de 2011, Amy esteve no Brasil para uma série de shows com ingressos disputadíssimos.
No geral, o público brasileiro se encantou com o talento da inglesa. Mas durante um dos shows, no Rio de Janeiro, ela parecia desinteressada e fez um set mais curto que o normal, despertando a insatisfação de alguns famosos.
Declaração
Em uma entrevista concedida em outubro de 2010 para a revista Harper’s Bazaar, Amy parecia satisfeita com sua vida. “Se eu morresse amanhã, eu seria uma garota feliz”, afirmou a cantora.
Veja Amy cantando ao vivo “You Know I’m no good”

Nenhum comentário:

Postar um comentário